Blog

Dicas para curtir o carnaval com as crianças

Por Danielly Magioni

“O carnaval chegou, vamos correndo invadir a avenida”. Vamos, sim, Mundo Bita! Mas, antes, que tal conferir algumas dicas para curtir a folia com tranquilidade? Afinal, quem vai levar as crianças precisa redobrar os cuidados antes e durante a diversão para evitar problemas depois. Também dá para aproveitar a oportunidade para trabalhar a autonomia dos pequenos, um dos temas dos cursos online do MundoemCores.com.

Como? Deixe que a criança escolha a fantasia que vai usar. Desde muito pequena, com cerca de 2 anos, ela pode participar dessa decisão. Está muito calor e você tem medo de que ela opte por algo muito quente? Então, separe três opções leves e confortáveis – mesmo vale para calçados apropriados – para que possa brincar sem sofrer muito com as altas temperaturas. Além disso, evite o uso de colares e cordões, que podem se prender facilmente e causar estrangulamento.

A criança quer usar maquiagem? Claro, o carnaval é a melhor época para isso. Porém, os pais precisam ficar atentos aos produtos que serão utilizados. Escolha algo indicado para o público infantil, hipoalergênico e que não seja tóxico. Mas, mesmo assim, fique de olho quanto à combinação maquiagem + sol. Ao primeiro sinal de reação alérgica, retire tudo e procure um médico. Evite, ainda, o uso de máscaras por causa do calor.

Segurança

Dica importantíssima antes de sair de casa: identifique a sua criança. Vale colocar uma pulseira ou um crachá com o nome e o telefone do responsável. Também converse com seu filho e explique o que deve fazer caso se perca. Oriente que procure um policial, segurança ou bombeiro, por exemplo, e mostre o cartão de identificação. Ao chegarem ao local, combinem um ponto de encontro – se a sua criança for maior.

Se escolherem um lugar fechado, procure identificar onde ficam as saídas de emergência. De preferência, fiquem próximos a portas e janelas. Além de ser mais seguro, vai poupar a criança de vírus e bactérias que costumam se espalhar com facilidade em locais com aglomerações.

E, não precisamos nem dizer que a atenção deve ser redobrada quando há muita gente. Por isso, se possível, o melhor a fazer é escolher uma programação destinada ao público infantil, como bloquinhos e bailes de carnaval para crianças. Assim, seu filho vai se divertir mais e com segurança e a família toda poderá curtir com mais tranquilidade.

Pronto! Você já escolheu o local e se atentou à segurança. Só fique atento aos confetes, serpentinas, espumas, tatuagens temporárias e glitter. Tudo isso é bem divertido e criança adora brincar, mas é bom saber que esses itens podem causar sufocamento e intoxicação. Explique para seu filho que não deve colocar confete na boca, ou enrolar a serpentina no pescoço ou, ainda, jogar espuma nos olhos e na boca dos coleguinhas. Além disso, prefira os confetes de papel, pois os outros podem provocar cortes na pele.

Comidas, cansaço e proteção

É sempre bom evitar oferecer comidas de rua para a criança, principalmente porque o calor intenso pode provocar intoxicação alimentar. Prefira, então, levar uma lancheira térmica de casa com algo leve e saudável, como fruta. Mas, se tiver que escolher algo para comprar, verifique bem as condições de higiene e de acondicionamento.

Também é preciso redobrar o cuidado com a hidratação devido ao calor intenso em algumas cidades. E, muitas vezes, a criança quer brincar e se divertir e se esquece de beber água. Por isso, e ofereça muito líquido, de preferência água ou água de coco.

Outro item fundamental é a proteção da pele. Por causa da alta temperatura e da exposição direta ao sol, passe um protetor solar potente na criança antes de sair de casa e reforce durante o dia. Vale, ainda, colocar chapéu ou boné e até mesmo levar um guarda-sol com proteção UV para ajudar nessa tarefa.

Ah, e o guarda-sol também pode ser útil para aqueles momentos em que a criança estiver cansada. Lembre-se de que eles são pequenos e faça pequenas paradas para descanso. Se possível, leve uma canga ou toalha para que possam se sentar e recuperar as energias. Aproveitem essas pausas para fazerem os lanchinhos e reforçarem o protetor, como dissemos acima.

Som alto

Carnaval lembra música e, muitas vezes, isso inclui um som bem potente, como o de um trio elétrico, por exemplo. Mas, esses decibéis altos podem prejudicar a audição das crianças. Por isso, mantenha uma distância mínima de 15 metros das caixas de som e, se seu filho tem menos de 2 anos, evite que se exponha ao barulho. Há alguns pais que preferem colocar protetores auriculares nos pequenos.

Oi? Não tem programação de carnaval na sua cidade? Não precisa desanimar! Aproveite o tema para criar um bailinho em casa mesmo. Selecione marchinhas, coloquem fantasias, façam, juntos, uma decoração temática e proporcione para as crianças um momento de diversão, de expressão corporal, oral, visual e rítmica.

Vocês podem, por exemplo, criar um concurso de máscaras ou uma exposição, caso não queiram incentivar a competição. Se tiver uma área, que tal uma guerra de bexigas de água? Ou um banho de piscina à fantasia? Use a imaginação e garanta boas lembranças na memória dos seus filhos.

Viagem com crianças   

Decidiu viajar para curtir o carnaval com as crianças? Antes, verifique essas dicas: se a viagem for de carro, verifique as cadeirinhas; programe algumas paradas durante o trajeto; leve uma muda de roupa para o caso de acidentes; também leve papel e lenços umedecidos; garanta a diversão a bordo, com brinquedos e até mesmo tablets; e prepare alguns lanchinhos.

Em caso de viagem de ônibus, trem ou avião, valem as mesmas dicas sobre entretenimento, sobre levar uma muda de roupa extra, objetos de higiene pessoal (verifique a quantidade permitida em voos) e até mesmo opções de lanches. Se forem de ônibus, nunca deixe as crianças sozinhas no veículo durante as paradas e nem permita que desçam sozinhas.

Seguindo todas essas dicas, é praticamente certo que o carnaval de vocês vai ser recheado de diversão e de bons momentos em família. Aproveitem a folia e o tempo que passarão juntos nesse feriado para se dedicar aos seus filhos. E se quiser mais dicas para trabalhar a autonomia da criança, assista aos cursos do MundoemCores.com em https://mundoemcores.com/

Você também pode se interessar por:

  • Como lidar com a criança que mente?

  • As pequenas mentiras que contamos para as crianças

  • Atividade sensorial para as férias

  • Briga entre irmãos

Saiba como os cursos do MundoemCores.com
mudaram vidas de famílias como a sua!

  • “Pude começar a entender que quem tinha que mudar era eu”

    Sandra conheceu o MundoemCores.com por meio da escola do filho Enzo e começou a entender os sinais que ele apresentava. Entendeu que precisava mudar seu comportamento e hoje tem uma relação muito melhor com seu filho.

    Sandra Teixeira

  • “Eu vi que é possível estruturar a casa para receber os filhos com o respeito que merecem”

    Greicy conheceu o curso quando buscava conhecimento para apresentar às seguidoras da sua fanpage, Mães no Comando, e revela que acabou mudando a sua forma de pensar. Ela disse já observar a transformação de suas filhas, depois da sua própria transformação.

    Greiciely Magno

  • “Muito obrigada por vocês terem trazido tudo isso pra minha família”

    Flaviane finalizou o curso Montessori em Casa e começou a assistir às aulas do Educando com Disciplina Positiva. Ela conta como sua vida mudou após aplicar o que aprendeu nos vídeos.

    Flaviane Cintia de Avila Dutra

Siga nas redes sociais

FACEBOOK
INSTAGRAM
YOUTUBE