BLOG

Como tratar a anemia nas crianças?

Como tratar a anemia nas crianças?

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a anemia é uma baixa nas hemoglobinas do sangue, causada pela carência de ferro no organismo. No Brasil, 53% dos pequenos com menos de dois anos são diagnosticados, o que pode interferir no desenvolvimento físico, psicológico e motor. Mas, como tratar a anemia nas crianças?

A anamia acontece porque o ferro auxilia as hemoglobinas, responsáveis pela coloração avermelhada da pele, no transporte de oxigênio pelo organismo.

Como tratar a anemia nas crianças?

  • O “estoque” do nutriente recebido pela criança durante a gestação termina por volta dos seis meses de vida, quando começa a introdução de alimentos além do leite materno. Afinal, até essa fase, todas as necessidades nutricionais do bebê são normalmente supridas pela amamentação.
  • Bebês prematuros ou com baixo peso no nascimento merecem mais atenção quanto à anemia. Como a dispersão de ferro se dá no terceiro trimestre de gravidez, crianças que nascem antes do tempo podem precisar de uma complementação do mineral;
  • Durante a introdução alimentar, ofereça uma grande variedade de nutrientes. As carnes, principalmente as vermelhas, são as melhores fontes de ferro, além de feijão e verduras verdes escuras como brócolis, couve, espinafre e rúcula;
  • Antes de cozinhar o feijão, deixe-o de molho por pelo menos uma hora. Isso reduz a quantidade de fitatos e melhora a absorção do mineral no organismo. Outra dica: o nutriente é melhor assimilado em conjunto com ácido ascórbico ou cítrico, presente em frutas como laranja, limão e acerola;
  • Outro ponto importante é evitar misturar na mesma refeição laticínios com alimentos ricos em ferro, pois o cálcio prejudica o absorvimento do nutriente, contribuindo assim com a menor quantidade dele no organismo.
  • Fique atento aos sinais de anemia. A carência de ferro é facilmente identificada pela palidez, fadiga e sonolência em excesso. Outro sinal é que a criança tem vontade de comer itens como terra, gelo ou sabão.
  • E caso seu filho apresente algum desses sintomas, procure um pediatra para o diagnóstico e tratamento adequados.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn