Blog

Como tornar o divórcio menos traumático para as crianças?

A separação de um casal costuma ser um momento delicado e doloroso, ainda mais quando envolve filhos. No entanto, apesar das diferenças pessoais, os pais devem sempre pensar no bem estar emocional das crianças, para que não desenvolvam problemas psicológicos que podem ser levados até a vida adulta.

Infelizmente, também é muito comum a alienação parental, quando um dos pais priva o filho de relacionamento com o outro de forma deliberada, seja durante ou depois da separação.

Como sempre falamos aqui, dar o exemplo é sempre melhor escolha. Algumas formas de tornar esse período menos traumático são:

  •       Evite discutir, falar mal e desautorizar o outro na frente das crianças. Em vez disso, invista no diálogo e no respeito;
  •       Não tente competir pelo afeto (como quem dá o melhor presente, por exemplo), nem ceda a todas as vontades de seu filho para compensar a ausência;
  •       Escute, converse com a criança  sobre o que ela sente a respeito da situação. Olhe nos olhos, demonstre amor e responda de forma calma caso ela questione sobre a separação;
  •       Avise os professores e procure ajuda de psicólogo, para que seu filho não se sinta mal em relação aos colegas de escola;
  •       Não afaste seu filho do ex-cônjuge ou de seus parentes. Explique que, independente do término, a relação com eles não será abalada;

·       Mesmo que haja raiva do antigo parceiro, acostume-se a conviver e busque um acordo sobre a educação da criança.

Você também pode se interessar por:

  • Entre na brincadeira de verdade!

  • Como reconhecer uma criança autista

  • Estimule os sonhos de seus filhos.

  • Não dá chupeta, não.

Opinião de pais e educadores sobre nossos cursos

Veja como nosso conteúdo está transformando a vida das pessoas

  • “Eu vi que é possível estruturar a casa para receber os filhos com o respeito que merecem”

    Greicy conheceu o curso quando buscava conhecimento para apresentar às seguidoras da sua fanpage, Mães no Comando, e revela que acabou mudando a sua forma de pensar. Ela disse já observar a transformação de suas filhas, depois da sua própria transformação.

    Greiciely Magno

  • “Muito obrigada por vocês terem trazido tudo isso pra minha família”

    Flaviane finalizou o curso Montessori em Casa e começou a assistir às aulas do Educando com Disciplina Positiva. Ela conta como sua vida mudou após aplicar o que aprendeu nos vídeos.

    Flaviane Cintia de Avila Dutra

  • “O curso nos fez entender como estimular a autonomia e a independência da nossa filha”

    Emanuelle e o marido passaram a entender aspectos de sua própria educação e a saber como, agora, agir com sua filha com objetivo de ajudá-la a se desenvolver. Ela afirma que os exemplos dados nas aulas facilitaram muito a colocar em prática tudo que foi aprendido.

    Emanuelle Rech

Siga nas redes sociais

INSTAGRAM
YOUTUBE