BLOG

Como falar com as crianças?

Sobre o que falamos com nossos filhos

Como falar com as crianças? Por exemplo, se você precisa que seu filho mais velho faça silêncio porque o mais novo está dormindo, não diga “Fique quieto porque seu irmão está dormindo!”.

Em vez disso, prefira dizer: “Aqui em casa, nós falamos baixo quando alguém está dormindo”. Por quê? Nossa especialista Elisama Santos, do Curso Educando com Disciplina Positiva, explica que quando dizemos à criança que ela precisa ficar quieta porque a outra está dormindo, a primeira coisa que ela pensa é que o irmão é mais importante do que a sua brincadeira.

Além disso, que ele é o preferido dos pais: “Pensando nisso, aprendi a falar: ‘Filho, aqui em casa a gente respeita o sono dos outros. Vamos brincar com um brinquedo silencioso? O que você acha?’. Assim, a mensagem será ‘Todos são importantes aqui’. E é incrível como uma mudança tão simples na fala tem um efeito tão positivo. Ele colaborava bem mais”, conta ela sobre a experiência vivida com os filhos Miguel e Helena.

E completa: “Tenho aprendido que a tranquilidade na relação de irmãos mora na sutileza, nos detalhes, em jamais usar um como referência para o outro. Sem comparações. Sabemos que não existe relação que seja só de amor. Então, que a gente tenha sabedoria para deixar o solo fértil e alimentado para que consigam fazer uma linda relação florescer”.

Quer saber como falar com as crianças? Você precisa assistir ao curso da Elisama, o Educando com Disciplina Positiva. Pequenas mudanças podem trazer resultados surpreendentes na sua relação com seu filho.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn