Blog

Como estimular a generosidade nas crianças?

A criança fica de olho no comportamento dos pais. Costuma repetir as palavras que escuta, os gestos e até as atitudes. Querer que ela seja generosa se você é egoísta e individualista, é quase uma missão impossível. É aquela frase que a gente repete por aqui: o exemplo da família é fundamental na formação dos valores humanos dos filhos.

Cobrar atitudes diferentes que as praticadas dentro de casa acaba confundindo a cabeça dos pequenos.

 

Faça uma reflexão sobre o seu comportamento e passe a vivenciar a generosidade, que deve funcionar como uma evolução. Com paciência você pode ir mostrando, aos poucos, o caminho correto. Se a criança continuar se recusando a dividir os brinquedos e os alimentos com os coleguinhas, por exemplo, pare para conversar sobre o processo de compartilhamento. Do quanto isso faz bem para as duas partes – para quem divide e para quem recebe.

 

  • Mostre para a criança que a doação não precisa ser material. A generosidade pode ser expressada com uma palavra de conforto ou um abraço.
  • Quem doa, não faz propaganda. Mostre que o comportamento deve ser natural. Vir do coração. Não é um “mostrar para a sociedade”.
  • Praticar a generosidade é um treino diário. Já que você quer estimular isso no seu filho, fique atento às suas atitudes. Assim vocês aprendem e crescem juntos como seres humanos melhores.

Você também pode se interessar por:

  • Alerta: três crianças morrem afogadas todos os dias no país

  • A primeira viagem do bebê

  • Quanto pesa a mochila?

  • Quando começar o ensino de outro idioma

Saiba como os cursos do MundoemCores.com
mudaram vidas de famílias como a sua!

  • “Eu vi que é possível estruturar a casa para receber os filhos com o respeito que merecem”

    Greicy conheceu o curso quando buscava conhecimento para apresentar às seguidoras da sua fanpage, Mães no Comando, e revela que acabou mudando a sua forma de pensar. Ela disse já observar a transformação de suas filhas, depois da sua própria transformação.

    Greiciely Magno

  • “O curso nos fez entender como estimular a autonomia e a independência da nossa filha”

    Emanuelle e o marido passaram a entender aspectos de sua própria educação e a saber como, agora, agir com sua filha com objetivo de ajudá-la a se desenvolver. Ela afirma que os exemplos dados nas aulas facilitaram muito a colocar em prática tudo que foi aprendido.

    Emanuelle Rech

  • “Você se prepara pra tudo na vida. Pra ser mãe, você não se prepara!”

    Carolina buscava orientação para dar uma melhor educação à filha Maria Clara. Viu no evento presencial realizado pelo MundoemCores.com, em Maceió/AL, uma forma diferente de lidar com a personalidade da sua filha.

    Carolina Lira

Siga nas redes sociais

FACEBOOK
INSTAGRAM
YOUTUBE