Blog

As crianças estão crescendo direito?

Sim, a gente sabe que o tempo passa muito rápido e eles crescem logo. Mas como ter certeza se está tudo nos conformes? Embora existam padrões de crescimento, é preciso lembrar que cada pessoa tem um ritmo próprio de desenvolvimento. Como acontece isso?

Alguns critérios devem serem levados em conta:

  •       Genética: Pode acontecer de a criança ter pais baixos e se desenvolver a ponto de ficar mais alta do que eles. Além disso, é preciso ficar atenta a qualquer problema de saúde ainda durante a gravidez;
  •       Peso e altura: Devem aumentar de maneira proporcional, por isso o acompanhamento com o pediatra é fundamental durante toda a infância e não apenas nos primeiros anos;
  •       Medidas: A criança deve crescer em média 4 cm ao ano; e na puberdade, cerca de 12 cm. Normalmente, os pais começam a perceber que há algo errado durante a fase escolar, quando nota que o filho está mais alto ou mais baixo que a maioria dos coleguinhas da mesma idade. Preste atenção se, em um ano, a criança teve muita ou pouca perda de calçados e roupas;
  •       Doenças crônicas: alergias, asma, problemas cardíacos e nos rins são alguns dos fatores que podem atrasar o crescimento, seja pela doença em si, seja pelos remédios;
  •       Hormônio e alimentação: O GH, conhecido como hormônio do crescimento, é o responsável pelo desenvolvimento humano do nascimento até por volta dos 20 anos. Além dos níveis hormonais, a absorção de nutrientes, alergias e intolerância a alimentos devem ser avaliadas por um endocrinologista. Quanto antes os distúrbios de crescimento forem diagnosticados e tratados, maiores as chances de a criança ter um desenvolvimento adequado.292

Você também pode se interessar por:

  • Aprendendo a questionar

  • Os benefícios da natação para os bebês

  • É alergia ou intolerância alimentar?

  • Meu filho pode usar desodorante?

Saiba como os cursos do MundoemCores.com
mudaram vidas de famílias como a sua!

  • “Trabalho com o Método Montessoriano e vejo como ele facilita o aprendizado da criança”

    Valéria é Orientadora Pedagógica de São Luiz do Maranhão e encontrou no curso Montessori em Casa uma forma de aumentar seu conhecimento sobre essa filosofia e se preparar ainda mais para transmitir seus ensinamentos às crianças com quem trabalha.

    Valéria Ferreira Santos

  • “Muito obrigada por vocês terem trazido tudo isso pra minha família”

    Flaviane finalizou o curso Montessori em Casa e começou a assistir às aulas do Educando com Disciplina Positiva. Ela conta como sua vida mudou após aplicar o que aprendeu nos vídeos.

    Flaviane Cintia de Avila Dutra

  • “Eu vi que é possível estruturar a casa para receber os filhos com o respeito que merecem”

    Greicy conheceu o curso quando buscava conhecimento para apresentar às seguidoras da sua fanpage, Mães no Comando, e revela que acabou mudando a sua forma de pensar. Ela disse já observar a transformação de suas filhas, depois da sua própria transformação.

    Greiciely Magno

Siga nas redes sociais

FACEBOOK
INSTAGRAM
YOUTUBE