Blog

Seja exemplo em tudo, até mesmo na alimentação.

Como fazer uma criança teimosa comer alimentos saudáveis?

Primeiro: você precisa dar o exemplo, já que é um modelo no desenvolvimento de preferências e hábitos alimentares dela. Se já é um hábito na sua casa comida de verdade e saudável no prato, a tarefa de educar a alimentação dos filhos fica mais fácil.

  • Incentive a experimentação de novos alimentos. A criança deve provar a comida umas 8 a 10 vezes para se adaptar, aceitar e até mesmo amar o sabor.
  • O visual do prato é importante. A forma de apresentação deve ser representada por cor, textura e cheiro. Use cortadores para dar formatos divertidos ou faça carinhas com os legumes;
  • Faça uma troca, se você tentou por 10 vezes e o seu filho definitivamente não gostou do sabor do alimento. Escolha algo que tenha uma composição nutricional semelhante;
  • É normal que crianças gostem de doces, mas você precisa estabelecer alguns dias para isso. Negociem o final de semana e datas festivas. E nunca use a sobremesa como recompensa. A ação pode criar distúrbios alimentares;
  • O tamanho das porções deve respeitar a fome da criança. Não a obrigue a comer tudo. Sirva uma pequena quantidade e pergunte se ela está satisfeita;
  • Já pensou em levar o seu filho para uma feira orgânica? Apresente os alimentos, fale dos benefícios e leve os que ele mais se interessar para a sua geladeira 😉

A gente espera que tudo dê certo com essas dicas. Converse sempre com seu filho sobre o quanto é importante ter uma alimentação saudável e equilibrada e explique prejuízos que os produtos industrializados podem causar quando consumidos em excesso.

Você também pode se interessar por:

  • Estimule os sonhos de seus filhos.

  • Puberdade precoce

  • O papel dos avós na vida da criança

  • Exercendo sua autoridade

Saiba como os cursos do MundoemCores.com
mudaram vidas de famílias como a sua!

  • “Pude começar a entender que quem tinha que mudar era eu”

    Sandra conheceu o MundoemCores.com por meio da escola do filho Enzo e começou a entender os sinais que ele apresentava. Entendeu que precisava mudar seu comportamento e hoje tem uma relação muito melhor com seu filho.

    Sandra Teixeira

  • “O curso nos fez entender como estimular a autonomia e a independência da nossa filha”

    Emanuelle e o marido passaram a entender aspectos de sua própria educação e a saber como, agora, agir com sua filha com objetivo de ajudá-la a se desenvolver. Ela afirma que os exemplos dados nas aulas facilitaram muito a colocar em prática tudo que foi aprendido.

    Emanuelle Rech

  • “Você se prepara pra tudo na vida. Pra ser mãe, você não se prepara!”

    Carolina buscava orientação para dar uma melhor educação à filha Maria Clara. Viu no evento presencial realizado pelo MundoemCores.com, em Maceió/AL, uma forma diferente de lidar com a personalidade da sua filha.

    Carolina Lira

Siga nas redes sociais

FACEBOOK
INSTAGRAM
YOUTUBE