Blog

Quarto Montessoriano

Você já parou para pensar que o quarto do seu filho foi feito para as suas necessidades e não as dele? A jornalista Renata Lacerda, sim. Mãe do André, de 1 ano e meio, ela participou do nosso I Workshop Montessori em Casa e aplicou algumas ideias do método.

“Tem um aspecto que me agrada muito na filosofia Montessoriana: fazer um quarto que seja para a criança. Parece óbvio? Na prática não é bem assim. Estamos em uma cultura em que o quarto do bebê é, na verdade, montado para os adultos”, disse.

Para atender às necessidades do filho, Renata retirou o berço, instalou uma barra na parede e deixou objetos ao alcance do pequeno. “Decidimos fazer um quarto que fosse para o André. Onde ele pudesse brincar em segurança. Também gosto muito da ideia de Montessori de que o quarto precisa ser visualmente confortável, organizado, com poucos brinquedos, poucos móveis e sem muita informação visual”, explicou.

A jornalista avalia que os pais sempre têm de estar atentos aos filhos e fazendo as adaptações necessárias. “Hoje, que conheço bem mais Montessori, percebo que poderia ter feito coisas de formas diferentes. Um exemplo é o tapete de EVA, que ficou estimulante demais. Mas aprendi que tenho que ser a mãe possível e não a ideal”, ponderou.

E acrescentou: “O quarto é uma simples consequência de um objetivo sublime: respeitar o meu filho. Respeitar seus momentos, suas necessidades e incentivar a sua autonomia.”

Você também pode se interessar por:

  • Xixi na cama

  • Como escolher o travesseiro do seu filho

  • Gagueira em crianças

  • Meu filho pode usar desodorante?

Saiba como os cursos do MundoemCores.com
mudaram vidas de famílias como a sua!

  • “Pude começar a entender que quem tinha que mudar era eu”

    Sandra conheceu o MundoemCores.com por meio da escola do filho Enzo e começou a entender os sinais que ele apresentava. Entendeu que precisava mudar seu comportamento e hoje tem uma relação muito melhor com seu filho.

    Sandra Teixeira

  • “Muito obrigada por vocês terem trazido tudo isso pra minha família”

    Flaviane finalizou o curso Montessori em Casa e começou a assistir às aulas do Educando com Disciplina Positiva. Ela conta como sua vida mudou após aplicar o que aprendeu nos vídeos.

    Flaviane Cintia de Avila Dutra

  • “O curso nos fez entender como estimular a autonomia e a independência da nossa filha”

    Emanuelle e o marido passaram a entender aspectos de sua própria educação e a saber como, agora, agir com sua filha com objetivo de ajudá-la a se desenvolver. Ela afirma que os exemplos dados nas aulas facilitaram muito a colocar em prática tudo que foi aprendido.

    Emanuelle Rech

Siga nas redes sociais

INSTAGRAM
YOUTUBE