Blog

Brincadeira sustentável

Já parou pra pensar em como os brinquedos são logo esquecidos pelas crianças? O tempo passa e elas crescem tão rápido, não é? O que fazer com aquele presente pelo qual pagou caro e seu filho já não dá a mínima? Jogar fora ou entulhar em um canto não é uma opção muito legal… Melhor doar, não é? 😀

Em tempos de conscientização ambiental, é sempre bacana procurar alternativas que contribuam para gerar menos lixo. Se a intenção é reduzir gastos na hora de incentivar a brincadeira, olha só essas dicas:

  •       Que tal montar um grupo de trocas de brinquedos entre os primos, vizinhos, amiguinhos da escola… Vale marcar um encontro no prédio, no parque ou na pracinha e cada um leva alguns objetos que não queira mais. Assim, as crianças podem trocar por outras coisas que achem mais legais 🙂
  •       Outra boa ideia é o aluguel de brinquedos, serviço que já é bem conhecido em várias partes do mundo. Os brinquedos pelos quais seu filho não se interessa mais não precisam ficar acumulados em casa: é só devolver e, se quiser, alugar outro.

Já experimentou o aluguel ou a troca de brinquedos? Conta pra gente!

Você também pode se interessar por:

  • Fale de segurança com seu filho

  • Os primeiros amiguinhos

  • Refrigerante: mantenha distância.

  • Não pule o café da manhã!

Opinião de pais e educadores sobre nossos cursos

Veja como nosso conteúdo está transformando a vida das pessoas

  • “Trabalho com o Método Montessoriano e vejo como ele facilita o aprendizado da criança”

    Valéria é Orientadora Pedagógica de São Luiz do Maranhão e encontrou no curso Montessori em Casa uma forma de aumentar seu conhecimento sobre essa filosofia e se preparar ainda mais para transmitir seus ensinamentos às crianças com quem trabalha.

    Valéria Ferreira Santos

  • “Muito obrigada por vocês terem trazido tudo isso pra minha família”

    Flaviane finalizou o curso Montessori em Casa e começou a assistir às aulas do Educando com Disciplina Positiva. Ela conta como sua vida mudou após aplicar o que aprendeu nos vídeos.

    Flaviane Cintia de Avila Dutra

  • “O curso nos fez entender como estimular a autonomia e a independência da nossa filha”

    Emanuelle e o marido passaram a entender aspectos de sua própria educação e a saber como, agora, agir com sua filha com objetivo de ajudá-la a se desenvolver. Ela afirma que os exemplos dados nas aulas facilitaram muito a colocar em prática tudo que foi aprendido.

    Emanuelle Rech

Siga nas redes sociais

INSTAGRAM
YOUTUBE